Archive for the 'CMS' Category

Sua Empresa esta Preparada?

 

Para aos adeptos de CMS¹ como eu sou… segue um teste capturado(olha que bonito) no site do JoomLa Brasil, ele fala sobre algumas mudanças que uma emrpesa deve ter ao mudar seu site para CMS. Eu particularmente já usei muitos esses CMS’s para servicinhos externos, mas o que realmente me conquistou pela facilidade, usuabilidade, gerenciamento e etc.. foi o Joomla. Vale a pena dar uma olhada nesse texto e ver se sua empresa pode se encaixar com Joomla.Então a sua empresa resolveu adotar um CMS para agilizar o trabalho e facilitar a manutenção dos sites e assim poder aumentar os lucros? Ótimo. Será que você e sua empresa estão preparados para algumas mudanças estruturais e na metodologia de trabalho? O que você deve fazer para não ser apenas mais um na multidão? Nesse primeiro artigo não-técnico, eu tento ajudá-lo a responder algumas dessas perguntas.Antes de mais nada eu gostaria de deixar claro que não sou o detentor da verdade absoluta e que o que está escrito nas linhas abaixo é baseado em experiências e idéias próprias (algumas nem tão próprias assim). A intenção também não é tirar dinheiro de quem ganha a vida fazendo consultoria pois não acredito que algumas linhas em um site possam substituir uma consultoria presencial de algum profissional respeitado. De qualquer maneira, ficam no ar alguns pensamentos.Quando uma empresa faz a opção por um CMS, normalmente ela busca quatro coisas: agilidade, praticidade, flexibilidade e padronização. Porém, empresas que realmente querem aumentar a sua produção e a qualidade dos seus produtos devem estar preparadas para algumas mudanças na sua estrutura e pessoal. Tratarei estas mudanças metodológicas e estruturais como desafios. Cabe a você decidir se eles se aplicam ao seu negócio, se o seu pessoal está preparado para executá-los e se isso tudo vale a pena :-)O Joomla! certamente trará agilidade no desenvolvimento de sites, uma vez que ele já trás “tudo pronto” e você “só precisa juntar as peças”, como diria um antigo chefe meu. Sim, todos os que ganham a vida com o Joomla! sabem que este é um pensamento errôneo, mas é inegável que o fato de não ter de reinventar a roda para cada novo projeto garante um alto grau de agilidade. Mas, como tornar o processo de criação ainda mais rápido e eficiente?Primeiro desafio: Altere a metodologia de criação.Aproveitando algumas idéias do artigo do Marcio Okabe, retiradas do site da Konfide Consultoria. Algumas empresas não se deram conta das possibilidades que o Joomla! oferece e mantém o método tradicional de trabalho: onde um funcionário faz um site do início ao fim e fica responsável por ele. Ou ainda, em empresas “evoluídas”, nais quais a produção é feita em cascata e uma etapa só começa após a anterior ter sido terminada. Neste caso as etapas seriam Design -> Programação -> Conteúdo. Eu me pergunto: Por que fazer isso? Por que não paralelizar os 3 processos e deixar 3 (ou mais) membros da sua equipe trabalhando juntos? Em todos os projetos que participei, o desenvolvimento foi muito mais veloz (e prazeroso) quando as responsabilidades eram divididas.Dica do bigo: nenhum profissional tem todos os perfís necessários para um projeto. Se alguém “faz tudo” é porque faz tudo de maneira errada.Outro aspecto interessante com o qual eu não vejo as empresas se preocupando é com o diferencial dos seus produtos ante os concorrentes. Muitos estão desistindo de usar o Joomla! comercialmente porque há muitas empresas que já o utilizam e estas pessoas querem que seus produtos tenham um diferencial. Como obter este diferencial sem ter de construir o seu próprio CMS?Segundo desafio: Não deixe que o CMS limite a criatividade.Aproveitando algumas idéias da sessão do Igor Dutra sobre a Porsche durante o Joomla!Day Brasil (não consigo acreditar que pessoas que levam o joomla a sério tenham perdido este evento :D), empresas que desejam fazer um trabalho realmente sério e profissional com Joomla! não devem adaptar o seus sites ao Joomla! e sim, adaptar o Joomla! aos seus sites. Como? Bom, aí já é outra história. Tentarei dar dicas nos próximos desafios. Como tudo em software livre, o que fará com que os clientes optem por você ou pela empresa ao lado é o diferencial que a sua empresa oferece.Dica do bigo: em um site de alto nível, nenhuma extensão deve ser instalada sem as devidas customizações.Um cenário interessante que ocorre em quase todas as empresas que conheço é que temos um designer para cada 4 ou 5 programadores. Isso acontece porque os programadores perdem muito mais tempo reinventando a roda do que o designer leva para construir layouts no photoshop. O que fazer agora que você passa a utilizar um CMS?Terceiro desafio: Ajuste a sua equipeQuando a empresa passa a adotar o Joomla! a parte da reinvenção é abolida (ou não :D) e devem surgir novos “cargos” no projeto. Como por exemplo, alguém para ajustar css, construir a estrutura e conteúdo do site, criar componentes e fazer eventuais “hacks” no que já existe. Reduza a relação designer/programador pois você terá muito mais trabalho com “embelezamentos” do que com desenvolvimento propriamente dito e invista em treinamento para estes profissionais.Dica do bigo: mais vale 1 programador bom do que 4 programadores meia-boca batendo cabeça. Porém, você não precisa de 2 designers estupendos (e caros) desenhando botões e ajustando css.(o terceiro desafio é muito relativo ao tipo de trabalho que a sua empresa se propõe a fazer e ao tipo de projetos que ela costuma pegar…)O último desafio é o pior de todos e diz respeito a implantação do Joomla! na sua empresa. De nada irá adiantar você entrar na sala de desenvolvimento e falar para 20 pessoas: “a partir de segunda-feira estaremos usando Joomla!, o endereço é http://www.joomla.org e ouvi dizer que tem gente que faz 1 site por dia com ele. Se virem! Além disso, o Matheus escreveu num artigo que tenho de demitir metade dos programadores e contratar uma secretária para cadastrar o conteúdo dos sites.”.Quarto desafio: Prepare-se para a mudançaO ser humano tem uma tendência natural a resistir à mudanças (e essa tendência só piora com a idade). Programadores são uma raça especial de seres humanos que tendem a resistir a tudo que seja fácil e torne a vida melhor (eu estou me colocando na posição de programador). É necessário que a sua equipe queira usar o Joomla! pelas vantagens que ele oferece, e não porque você está enchergando as cifras e instaurou esta prática na empresa (se for o caso, faça com que a equipe também enchergue as cifras e, com isso, queira aprender mais sobre o Joomla! e a programação com ele). Tente, também, fazer as mudanças de forma gradual e tenha paciência pois a aprender a mexer é bem diferente do que aprender a customizar.Acredito que se todos estes desafios forem vencidos, sua empresa estará pronta a realmente lucrar com o Joomla!. O próximo desafio vai ser garantir a sustentabilidade do software e da comunidade contribuíndo de alguma maneira para o desenvolvimento do Joomla!, mas isso é assunto para outro artigo.(fonte: http://www.joomla.com.br/artigos-e-tutoriais/artigos/sua-empresa-esta-preparada.html)

¹ CMS : Sistema de gerenciamento de conteúdo (a partir do acrônimo em inglês Content Management System) 


maio 2021
S T Q Q S S D
 12
3456789
10111213141516
17181920212223
24252627282930
31  

Siga-nos